BELEZA, DE TUDO UM POUCO, DICAS

Depilação a laser – Tudo que você queria saber

Tudo que você queria saber sobre depilação a laser:

Olá pessoal tudo bem, vocês já tiveram vontade de fazer depilação a laser para acabar de vez com os pelos indesejados? Chega uma hora que a gente fica de saco cheio de ter que fazer depilação não é mesmo? Seja uma vez por mês ou quinzenalmente o processo é incomodo e doloroso, quando tenho que fazer depilação me dá uma preguiça enorme! E olha que eu já faço há tempos e mesmo assim parece que estou indo para forca rsrs. A depilação a laser parece a solução dos problemas de muita gente, inclusive os meus, mas será mesmo que vale a pena? Eu estou no processo já há algum tempo e vou contar para vocês como funciona.

depilação-a-laser

A depilação a laser é o método que queima o bulbo capilar ao invés de arrancar, ou seja ele destrói a raiz do pelo, no caso da depilação com cera ou com linha o processo é arrancar o pêlo e com a lâmina é simplesmente cortar a superfície do pelo.

Eu estou fazendo já há algum tempo a depilação a laser na axila na clínica Amaderm aqui no Rio , meu pensamento foi o seguinte: na axila se queimar ou se manchar ela está escondida, dando certo faço em outros lugares, e também tem a questão do sol, não pode em hipótese alguma fazer depilação a laser e pegar sol, protetor solar sempre.

Uma outra coisa, sempre tem aquela pergunta clássica, depilação a laser dói? Minha responsta é, sim, dói de uma maneira diferente dos outros métodos mas dá uma dorzinha sim, a boa notícia é que a sessão é muito mais rápida do que você imagina, para ter uma ideia a minha sessão das duas axilas dura em torno de 20 minutos! Então é uma dor rápida, dá pra segurar tranquilamente, fiz recentemente no buço pela primeira vez, pensei que ia chorar de dor mas não, doeu até menos que a da axila.

A depilação a laser é definitiva?

O resultado das sessões depende do tipo de pele de cada pessoa, sendo a cor do pelo e o tom da pele duas importantes características. Isso acontece porque o tipo de luz utilizado nos lasers é absorvido pelo pigmento marrom encontrado nos pelos. O calor gerado pela luz “torra” o folículo, causando grande dano (que pode ser permanente ou não, dependendo da intensidade da energia que atinge o pelo).

Pessoas de pele clara e pelos escuros costumam ter os melhores resultados, já que a luz tende a ser absorvida preferencialmente nos pelos. Em indivíduos com pele escura, o tratamento deve ser mais cuidadoso, porque a pele ao redor do pelo também apresenta pigmento marrom e pode absorver a luz – o como resultado, uma menor quantidade de energia atinge o pelo, a pele vizinha pode sofrer queimaduras e, em alguns casos, o aparecimento de manchas residuais na pele tratada.

As manchas escuras felizmente tendem a clarear com o tempo, enquanto as mais claras são mais difíceis de desaparecer. Pelos claros, loiros ou grisalhos, tendem a apresentar resultados muito pobres.

Quanto tempo leva o tratamento?

Normalmente, são necessárias, pelo menos, cinco sessões para que os resultados sejam significativos, mas a quantidade total pode variar de pessoa para pessoa. No meu caso nas duas primeiras sessões o resultado já foi maravilhoso até a dermatologista se espantou, e eu claro fiquei super feliz! rs

Nem todos os casos adquirem o efeito “definitivo”, mas de forma geral há uma boa diminuição dos pelos tratados quando a indicação do procedimento é bem feita. E muitas vezes são necessárias sessões extras – em intervalos de oito a 12 meses – para manter o resultado.

Como fica a pele depois da sessão?

A pele tratada pode ficar vermelha e sensível logo após a sessão. Portanto é importante saber que se você utilizar o horário de almoço para depilar a área do lábio superior, talvez volte ao trabalho com um sinal evidente de que fez algum tratamento na região.

Para aliviar este sintoma, é importante utilizar apenas o que for recomendado pelo médico que está acompanhando o tratamento e ter paciência, que sua pele voltará ao normal. Em alguns casos, pode haver até a formação de crostinhas nas áreas atingidas pelo laser.

Vale ressaltar também que os pelos não desaparecem logo que são tratados, ocorrendo a queda nos dias subsequentes à sessão de laser.

Para que não ocorram queimaduras, até mesmo com formação de bolhas, é importante que todo o procedimento seja feito por profissionais especializados que fazer uso de técnica adequada ao tipo de pele do paciente.

Algumas dicas para quem quer fazer a depilação a laser:

Bom, eu sempre indico fazer esse tipo de procedimento em uma clinica dermatológica, não que algumas clínicas de estéticas existentes não sejam boas ou sérias, mas é um tipo de tratamento que se der algum problema você está sendo amparada por um médico e não por qualquer tipo de profissional, depilação a laser é uma coisa séria.

Uma outra dica é pesquisar os preços, você não precisa fazer no mais barato ou no mais caro, mas é bom procurar na internet informações sobre a clínica, informações sobre o médico.

Conversar com pessoas que já tenham passado por esse tipo de processo também é muito importante, até para você ver se vale a pena, o que está achando do resultado na pessoa.

Botar na ponta do lápis se realmente vale a pena o investimento no seu caso, você faz muitas depilações? Tem bastante pelo? Se sente incomodada com eles? Tudo isso deve ser levado em consideração pois não é um processo barato, então se não te incomoda muito e se você não tiver condições não será o fim do mundo ok?!

 

Por hoje então é só, gostaram das dicas?

Beijos e até o próximo post!

Por Manoela Gomes

 

Previous Post Next Post

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply